array(1) { [0]=> array(7) { ["id_rede"]=> string(1) "1" ["url_face_rede"]=> string(37) "https://www.facebook.com/mgreciclabh/" ["url_google_rede"]=> NULL ["url_insta_rede"]=> string(38) "https://www.instagram.com/mgrecicla10/" ["url_youtube_rede"]=> NULL ["url_twitter_rede"]=> NULL ["url_linkedin_rede"]=> NULL }}
Blog
Lixo Eletrônico
23
Ago
2019
Ambiente e saúde: danos causados pelos metais pesados presentes nos eletrônicos

Ambiente e saúde: danos causados pelos metais pesados presentes nos eletrônicos

Equipamentos eletrônicos estão presentes e enraizados em nosso cotidiano, podendo até mesmo ser dito que muitas pessoas já não conseguem concluir as suas atividades sem o auxílio deles. 

Pense: desde que acordou, com quantos aparelhos eletroeletrônicos você teve contato?

O despertador está no celular, as notícias estão na tv ou no rádio. As redes sociais muitas vezes são atualizadas antes mesmo de sair da cama.

Devido à necessidade cada vez maior de aparelhos eletrônicos para realizar atividades do dia a dia, a tecnologia aumenta os recursos desses equipamentos, tornando os aparelhos obsoletos em pouco tempo.

Nesse momento, saber onde descartar os equipamentos eletrônicos, é fundamental para que o ambiente não sofra os impactos dos metais presentes nos aparelhos. 

As substâncias, caso não descartadas da forma correta são prejudiciais ao meio ambiente e a vida presente na região de contaminação. 
 

Os metais pesados, nome com o qual essas substâncias são conhecidas, podem causar impactos irreversíveis no meio ambiente. 

Veja quais são as substâncias presentes nos eletroeletrônicos e entenda quais são motivo delas serem tão prejudiciais ao meio ambiente e o porquê é tão necessário fazer o descarte da forma correta. 

Impactos ambientais causados pelos metais pesados presentes nos eletrônicos

Os equipamentos eletrônicos possuem em sua composição substâncias como o Cádmio, Chumbo, Berílio e várias outras substâncias tóxicas e cancerígenas.

Caso esses componentes entrem em contato com o solo, ele poderá ficar infértil. A contaminação da água a torna imprópria para o consumo, impedindo o abastecimento de regiões e impossibilitando a distribuição hídrica. 

As áreas contaminadas também se tornam perigosas para os animais e seres humanos que habitam perto da região, uma vez que as substâncias são altamente tóxicas e cancerígenas. 

Efeitos dos metais

Cada um dos metais atua de forma diferente, causando perturbações e alterações no organismo, além de tornar o ambiente inseguro para quem vive perto da contaminação. Veja as consequências trazidas por cada material. 

Mercúrio

A contaminação por mercúrio, deteriora o sistema nervoso, causando perturbações motoras e sensitivas, além de tremores e demência. Essa substância química está presente em televisores de tubo, monitores, pilhas e baterias, lâmpadas e computadores. 

Chumbo

O chumbo é um componente que está em celulares, monitores, televisores e computadores. Ele pode causar alterações genéticas, ataca o sistema nervoso, a medula óssea e os rins, além de causar câncer. 

Cádmio

O cádmio, se encontra nos mesmos aparelhos que o chumbo e pode causa câncer de pulmão e próstata, além de desenvolver propensão a anemia e osteoporose.

Berílio

O berílio está em celulares e computadores, e o seu principal dano a saúde é o câncer de pulmão.

Todos os aparelhos que possuem fios e precisam de alguma fonte de energia para funcionar, seja ela pilha ou bateria possuem esses componentes eletrônicos. 

Você pode estar começando a se preocupar ao imaginar que todas essas substâncias estão presentes nos aparelhos que fazem parte do dia a dia. Saiba, no entanto que esses materiais são muito bem protegidos e lacrados nos aparelhos em bom estado de conservação. 

Eletrônicos que estão quebrados, com a tela solta, ou com a bateria estufada merecem um pouco mais de atenção e podem apresentar riscos

Para esses materiais, dê o direcionamento correto, encaminhando-os aos centros de descarte de equipamentos eletrônicos

Como descartar os equipamentos eletrônicos

Por possuir um alto potencial tóxico, o lixo eletrônico não pode ser descartado como os outros resíduos. 

Por essa razão, foram criados postos de coletas em locais específicos para que o portador do lixo eletrônico tenha onde efetuar o descarte.

Algumas pessoas, no entanto, possuem rotinas muito atribuladas e não conseguem ir até os postos para levar os eletrônicos para o descarte e com isso os resíduos continuam parados em casa apresentando riscos. 

Sabendo disso, algumas empresas realizam a coleta do resíduo eletrônico na residência das pessoas. Esse processo facilita o descarte mais consciente

É necessário enviar somente uma solicitação de coleta para a empresa responsável e ela irá até o local solicitado para recolher o lixo eletrônico de forma segura e eficiente. 

Um exemplo de empresa que realiza esse trabalho é a MG Recicla. Para que um representante vá a sua casa, o processo realizado é simples e rápido. 

Você só precisa acessar o site e clicar no botão "Solicite Coleta Grátis".

5CSwnYZhN7oR098LnI1AQcuSZuRVnEYFgNx7m6f7

 

Entrar em contato com uma empresa especializada no ramo garante que os materiais serão destinados aos locais corretos, não contaminando o ambiente ou trazendo riscos à saúde. 

O risco ao ambiente e a saúde pode ser evitado com o descarte correto e consciente dos equipamentos eletrônicos que contém essa substância. 

Solicite contato e saiba mais!

Comente essa publicação